ABC cai para Luverdense e parte para missão “impossível” na Série B

Foto: Andrei Torres/ABC

Com um belo gol de Marcos Aurélio, em cobrança de falta, aos 11 minutos do primeiro tempo, o Luverdense venceu o ABC por 1×0, encheu-se de esperança e complicou de vez a situação do clube natalense na segunda divisão nacional. A partida, disputada na noite desta sexta-feira (3), no Frasqueirão, em Natal, foi válida pela 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time mato-grossense foi aos 39 pontos, soma insuficiente para deixar a zona de rebaixamento, mas o necessário para pôr pressão no CRB, que tem a mesma pontuação, mas com uma vitória a mais, é o primeiro time fora do Z-4.

Já o ABC, estacionado nos 28 pontos, não descolou da lanterna e agora, faltando cinco rodadas, está na beira do abismo para a Série C. Com a derrota desta sexta, o alvinegro fica na obrigação de vencer todos os jogos restantes e ainda assim dependerá da combinação de resultados para permanecer na segundona.

O ABC volta a jogar na próxima terça-feira (7), na Arena Independência, em Belo Horizonte-MG, contra o América-MG, às 19h15 (horário de Brasília). Um dia antes, o Luverdense vai a Porto Alegre-RS, enfrentar o líder Internacional, às 20 horas.

Sequência de jogos do ABC na Série B:

07/11 – América-MG x ABC

10/11 – ABC x Criciúma

14/11 – Brasil-RS x ABC

17/11 – ABC x Oeste

25/11 – Ceará x ABC

 

FICHA TÉCNICA 

ABC 0 x 1 LUVERDENSE

Local: Estádio Frasqueirão, em Natal (RN)

Data: 3 de novembro de 2017, sexta-feira

Horário: 21h30 (Brasília)

Árbitro: Alisson Sidnei Furtado (TO)

Assistentes: Fabio Pereira (TO) e Cipriano da Silva Sousa (TO)

Público: 2733 pagantes 

Renda: R$ 50.330,00

Gols: Marcos Aurélio, aos 11 minutos do 1ºT (Luverdense)

Cartões amarelos: Sergio Mota, Guly, Paulinho, Pablo e Moacir (Luverdense)

ABC: Edson; Arez, Tonhão, Danrlei e Daniel Nazaré (Nixon); Djavan, Felipe Guedes (Dalberto) e Erivélton; Berguinho (Lucas Coelho), Fessin e Matheus

Técnico: Ranielle Ribeiro

LUVERDENSE: Diogo Silva; Moacir, Pablo, William e Paulinho; Ricardo, Marcos Aurélio (Guly) e Douglas Baggio (Neguete); Rafael Ratão, Sergio Mota (Cléo Silva) e Alfredo

Técnico: Júnior Rocha

Fábio Oliveira/F9.net.br

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 4 =