Cícero e Romário devem embarcar para o futebol espanhol em 2018

Cícero deve trocar o Baraúnas em janeiro por um projeto na Espanha (Foto: Fábio Oliveira/F9.net.br)

O atual técnico do Baraúnas, Cícero Ramalho, está de malas prontas para uma temporada no futebol europeu.

O treinador segue treinando o clube, que se prepara para o estadual, mas pode sequer emplacar a estreia do time na competição, dia 13, contra o Globo. É que o ex-jogador vive a expectativa de um projeto na Espanha, em clube ainda não revelado, podendo ser um dos três que defendeu entre os anos de 1988 e 1993, no caso Real Murcia, Levante ou Sabadell.

As portas de retorno ao futebol espanhol estão sendo abertas através de outra possibilidade de negócio. Além de treinador, Cícero é atualmente procurador do atacante Romário, emprestado recentemente pelo Mossoró Esporte Clube, com quem tem contrato de um ano, ao Uniclinic, de Fortaleza-CE.

Cumprindo estágio de avaliação, Romário tem chamado a atenção da diretoria da Águia da Precabura, que já costura uma negociação do atleta com transferência para janeiro ou, no máximo, até junho de 2018.

Como procurador do atleta e devido o bom relacionamento que construiu em sua passagem pela Espanha, Cícero deverá acompanhar o jogador e ainda fincar bandeira em solo espanhol para um projeto mais duradouro, mas ainda não detalhado pelo profissional.

Sobre o Uniclinic, atual clube de Romário, a instituição vive hoje um sistema de arrendamento, tendo como mandatário o atacante cearense Ari, que atua no Lokomotiv Moscou, da Rússia. Ele estaria abrindo o mercado internacional para jogadores que atuam no clube, o que incluiria Romário.

Na negociação do atacante potiguar, também sobrará uma percentual dos valores envolvidos para o Baraúnas, como clube formador de Romário, vez que o atleta de 23 anos, descoberto em um peneirão realizado na cidade de Umarizal, em 2016, foi federalizado pelo clube.

Cícero segue treinando o Baraúnas até as primeiras semanas de janeiro, mas prevendo sua mudança de país, já avisou a diretoria tricolor para definir um substituto. Edinho Cardoso, ex-Potiguar, Baraúnas e Mossoró, e até Isaías Rodrigues, são as soluções caseiras cogitadas neste momento, sendo Edinho o preferido da maioria dos diretores leoninos.

Romário está na mira para uma transferência internacional (Foto reprodução)

Fábio Oliveira/F9.net.br

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × três =