Gesso Esporte Clube

Nesta edição, dando sequência ao registro dos clubes que integraram o quadro de filiados da Liga Desportiva Mossoroense (LDM), abordaremos a respeito do Gesso Esporte Clube, que teve uma presença não muito prolongada na divisão de elite do nosso futebol.

O seu surgimento aconteceu no ano de 1963, oportunidade em que participou da segunda divisão do nosso futebol, fazendo uma boa campanha, inclusive conquistando o direito de participar da divisão principal do ano seguinte.

O idealizador da fundação do Gesso foi o desportista e ex-atleta Dudeca, que se tornou ainda o primeiro treinador do tricolor desde a sua permanência na divisão de acesso. Profundo conhecedor dos segredos existentes no futebol, soube estruturar a equipe, mesclando-a com atletas experientes, que haviam atuado nos clubes intermediários do futebol local, a exemplo da Chaleira, Vaval, Leônidas, Resma, Dedé, Marreta, dentre tantos que contribuíram para o bom nome do desporto da terra de Santa Luzia.

Por ocasião da realização do Torneio Início, realizado pela LDM, no dia 12 de julho de 1964, nas dependências do estádio da Rua Benjamim Constant, atual sede do Serviço Social da Indústria – SESI, o Gesso, na primeira partida, derrotou o Cid pelo placar de três tentos a zero, resultado que o classificou para o segundo jogo diante do Salinista, sendo derrotado por três tentos a dois.

O primeiro amistoso disputado pelo Gesso aconteceu no dia 31 de maio de 1964, diante do Cid, acontecendo ao final da partida, o empate em três tentos. O resultado motivou acerto do segundo amistoso, desta feita enfrentando o então Esporte Clube Baraúnas, quando experimentou o placar adverso por três tentos a um.

Durante a sua permanência no campeonato local de futebol, em 1964, o Gesso contou com esta formação-base: Chaleira; Pitoco, Vaval, Luiz e Pedrão; Zeca e Seutonho; Pedrinho, Eleutério, Resma e Marreta.

Como peças de reposição, o tricolor inscreveu os seguintes atletas: Negro cão, Arnaldo, Leônidas, Vicente, Dedé, Dão e Garrincha, jogadores que integraram o seu plantel, por ocasião dos jogos realizados na divisão de acesso.

Não obtendo uma classificação que motivasse a diretoria a permanecer investindo no clube, no dia 21de junho de 1965, foi enviado um ofício a presidência da Liga Desportiva Mossoroense, solicitando o seu licenciamento, não mais retornando às disputas dos eventos patrocinados pela mentora que dirige o futebol local.

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + 19 =